Saiba como escolher a melhor iluminação para indústria agropecuária

A iluminação de alguns ambientes pode ser mais fácil do que a implantação de um projeto na indústria agropecuária. As possibilidades são variadas para esse segmento e por isso surgem diversas dúvidas. As características dos ambientes também mudam, mas é possível encontrar dicas relevantes para ter a luminosidade ideal e eficiente nesses locais.

Neste artigo, vamos falar sobre a real importância da iluminação para indústria agropecuária e de que forma pode impactar no dia a dia e os resultados desse setor industrial. Por outro lado, vamos explicar por que a parte de luminosidade é essencial para as empresas e o que considerar na hora de escolher as melhores soluções.

Quer conhecer dicas importantes relacionadas a este assunto? Acompanhe a leitura!

Entenda a importância da iluminação para indústria agropecuária

A importância da iluminação para indústria agropecuária está relacionada aos impactos no dia a dia e nos resultados desse setor industrial. A luz é muito útil para possibilitar a realização de tarefas e para auxiliar com problemas maiores e mais complexos de origem econômica. A claridade artificial, quando utilizada de forma inadequada, pode causar prejuízos.

A iluminação afeta a produção de alimentos que servem para manter a população do mundo inteiro. O desenvolvimento das tecnologias LED está criando várias soluções diferenciadas para a agricultura e pecuária. O avanço tecnológico acelera o cultivo e melhora a distribuição dos produtos sem interferir na qualidade. Com ele, novos meios para explorar esse setor estão surgindo e vários benefícios:

  • melhora a produção;
  • eleva a qualidade;
  • diminui o gasto energético;
  • impede a agressão ao meio ambiente;
  • aumenta a rentabilidade do negócio.

O uso da iluminação artificial na agropecuária não é algo tão novo. Porém, antes do uso do LED, a utilização era menos vantajosa devido ao elevado gasto energético e a potência gasta por fluxo emitido ou eficiência baixa. Além disso, a emissão de calor, a falta de controle dos espectros das luzes, a queima e a quebra dos equipamentos tornavam o sistema menos atraente para produtores.

Confira por que a parte de iluminação é essencial para esse segmento

As luminárias LED são utilizadas em várias plantações para suprir a luz natural e triplicar os resultados em comparação ao sistema convencional. A tecnologia ajuda a aumentar o número de culturas e também a reduzir os espaços quando as plantas são cultivadas nos armazéns ou em centros urbanos. As luzes frias diminuem a necessidade de condicionar o ar.

Diversos produtores desenvolvem a sua produção em ambientes fechados e controlados com o uso de dispositivos LED, os quais são inseridos em um projeto que garante o crescimento uniforme anual das culturas. Algumas plantas, como as alfaces, por exemplo, têm qualidade superior quando cultivadas desta forma. Elas não sofrem as intempéries e a variação climática.

A iluminação LED é interessante também para a criação de aves. Na avicultura de postura ou de corte os sistemas artificiais beneficiam o desempenho dos animais. A luminosidade interfere na reprodução, induzindo-os a pôr ovos ainda que a temperatura esteja abaixo de zero graus. As galinhas poedeiras, os frangos de corte e as matrizes são resultados da genética e da interação do ambiente.

Veja o que considerar na hora de escolher as melhores soluções

Como você pode ver, a iluminação é essencial para as indústrias agropecuárias, sendo necessário saber o que considerar na hora de escolher as melhores soluções. Um dos pontos mais importantes é a garantia dos produtos, que pode variar entre 5 até 10 anos. Outro fator é a eficiência da tecnologia, pois a luminária LED emite uma quantidade ideal de luz específica para cada área.

A segurança é outro aspecto derivado dos componentes de alta qualidade que previnem riscos de incêndios ocasionados pelo superaquecimento. Além do mais, o conforto que os dispositivos de LED produzem é uma característica que deve ser considerada, bem como a redução dos gastos. Considere a temperatura da cor, a potência, a área de instalação e as inovações tecnológicas.

Verifique as principais dicas de como escolher a melhor iluminação

As indústrias agropecuárias contam com prioridades diferenciadas. Devem ser avaliados os locais de inspeções, as máquinas e equipamentos, as áreas de circulação, o teto, o piso, as paredes etc. A iluminação assertiva influencia diretamente no bem-estar dos trabalhadores e na produtividade. Veja a seguir as dicas que vão ajudar a fazer as suas escolhas!

Observe a vida útil das lâmpadas

A vida útil das luminárias LED é prolongada, além de garantir a economia dos equipamentos, melhor produção, menos gastos com manutenção e menor custo com mão de obra. Esse tipo de tecnologia tem alta durabilidade, podendo funcionar normalmente durante 10 anos sem precisar de trocas. Dessa forma, vale a pena investir em produtos confiáveis e de boa qualidade.

Tenha um projeto luminotécnico

Um projeto luminotécnico é ideal para que a indústria agropecuária tenha lucros elevados em médio e longo prazo. Conte com um profissional especializado e que tenha experiência com sistemas industriais. Um projetista vai elaborar os cálculos indispensáveis e montará a estrutura elétrica adequada, eficiente e econômica que seja própria para cada atividade.

Considere as necessidades do espaço

É essencial analisar as necessidades dos ambientes para dar garantia de excelente iluminação. O especialista em luminosidade avalia o objetivo de cada ambiente, observa obstruções e interferências, preza pela uniformidade da luz e pela eliminação de sombras. De acordo com o espaço, ele vai definir se a claridade deve ser direcionada ou mais ampla.

Instale lâmpadas de emergência

As lâmpadas de emergência ajudam quando há falta de eletricidade em ambientes fechados e sem luz natural. Se houver uma queda na energia elétrica, os sensores acionam esses dispositivos para que mantenham as áreas iluminadas. As soluções com espectro adequado tornam plantações e criações mais rentáveis para os produtores.

Atente-se às normas

Preste atenção nas normas regulamentadoras que definem os graus de luminosidade aceitáveis. No momento da instalação de um projeto, o projetista vai seguir as legislações vigentes relacionadas à iluminação industrial na agropecuária. Diversos problemas legais podem ser evitados e um excelente custo-benefício será alcançado.

Busque qualidade de luz

A qualidade de luz deve ser uma prioridade para quem deseja encontrar o espectro ideal para plantas ou animais. As estufas, por exemplo, podem ter o seu ambiente aquecido demais e levar à queima das plantas se não forem utilizadas as luminárias LED. Por esse motivo, é imprescindível analisar também a altura e a distribuição uniforme da luminosidade.

Considere a economia e eficiência

Economia e eficiência resultam do projeto de iluminação elaborado pelo profissional especializado. Ele vai proporcionar economia e eficiência, além de evitar futuros gastos inesperados com outros dispositivos. Os dispositivos LED auxiliam no consumo sustentável para proteger o meio ambiente.

Enfim, agora você já sabe como escolher a melhor iluminação para indústria agropecuária! Tome os cuidados necessários ao escolher um planejamento para indústria agropecuária e ao adquirir as melhores soluções em iluminação LED. A SX Lighting oferece os melhores projetos luminotécnicos e os equipamentos indispensáveis para os seus clientes.

Gostou do conteúdo? Então acesse o nosso site e conheça nossa linha de produtos o quanto antes!